O que é a TAVIs

TAVI ou Implante Transcateter da Válvula Aórtica é uma técnica de substituição valvular para tratamento da Estenose Aórtica em pacientes que possuem contraindicação ou apresentam alto risco para realização da cirurgia convencional.

Descrição do procedimento

O tratamento indicado para Estenose e Regurgitação Aórtica é a realização de uma cirurgia de peito aberto, onde a válvula antiga será substituída por uma nova. Algumas vezes, porém, a condição do paciente se deteriora rapidamente e estão muito fragilizados ou apresentam outras condições que tornam o risco cirúrgico extremamente alto. Para estes casos a indicação é o Implante Transcateter da Válvula Aórtica ou TAVI.

Todos os casos são discutidos numa reunião de Heart Team em que cardiologistas de Intervenção e cirurgiões cardíacos avaliam cada doente para decidir qual será a melhor abordagem para ele e qual a forma menos invasiva para ter uma recuperação mais rápida.
Durante a TAVI, um cateter é introduzido através de uma pequena punção na artéria femoral da virilha. Na ponta do cateter, há um pequeno balão que será guiado até o coração. Chegando na parte inferior, é feita a insuflação, criando assim espaço para a troca. Uma válvula biológica com um stent é colocada em outro cateter e é posicionada sobre a antiga. Após a sobreposição, a nova válvula começará a funcionar imediatamente, permitindo que os movimentos de abertura e encerramento sejam realizados em sua completude.

O paciente tem um ganho hemodinâmico rápido e as intercorrências são raras. Devido ao pequeno tamanho dos cortes, o tempo que o paciente permanece acamado é relativamente pequeno, evitando complicações.
A duração de uma cirurgia de TAVIs é normalmente de 100 minutos. Os doentes têm alta ao final de 1-2 dias.
Em relação à atividade laboral, depois de 1 semana o doente já poderá regressar ao trabalho. Normalmente, a recuperação total de mobilidade é ao final de 1 semana e a realização de atividade física moderada 2 semanas.
O paciente tem um ganho hemodinâmico rápido e as intercorrências são raras. Devido ao pequeno tamanho dos cortes, o tempo que o paciente permanece acamado é relativamente pequeno, evitando complicações.
A duração de uma cirurgia de TAVIs é normalmente de 100 minutos. Os doentes têm alta ao final de 1-2 dias.
Em relação à atividade laboral, depois de 1 semana o doente já poderá regressar ao trabalho. Normalmente, a recuperação total de mobilidade é ao final de 1 semana e a realização de atividade física moderada 2 semanas.
Duração
› 100 min
Anestesia
› Sedação
Internamento
› 1-2 dias
Baixa
› 1 semana
Recuperação
› 1 semana
Inibição de atividade física
2 semanas

Saiba mais sobre este procedimento

Marque uma consulta para esclarecer qualquer dúvida ou ligue-nos através dos nossos contactos

Testemunhos

Exames necessários

Agendar Consulta

Para qualquer esclarecimento poderá contactar os nossos serviços de Atendimento ao Cliente através do número 910 18 18 08.