UmiCS

  • Professor Doutor Javier Gallego Poveda

    ENCERRAMENTO DO APÊNDICE AURICULAR ESQUERDO ENDOSCÓPICO

  • Professor Doutor Javier Gallego Poveda

    ENCERRAMENTO DO APÊNDICE AURICULAR ESQUERDO ENDOSCÓPICO

O QUE É A ENCERRAMENTO DO APÊNDICE AURICULAR ESQUERDO ENDOSCÓPICO

O Tratamento endoscópico para encerramento do apêndice auricular esquerdo é uma cirurgia que utiliza técnicas minimamente invasivas para fechar a entrada desta pequena bolsa, em pacientes portadores de Fibrilhação Auricular.

DESCRIÇÃO DO PROCEDIMENTO

O Tratamento Endoscópico para Encerramento do Apêndice Auricular Esquerdo é uma cirurgia que tem por objetivo fechar a entrada da aurícula, impedindo assim o fluxo sanguíneo para esta região e a formação de coágulos.

O acesso à aurícula é feito por três pequenas incisões entre as costelas. Posteriormente, realiza-se uma insuflação com CO2 e um grampo (clipe) de poliéster é colocado na entrada do apêndice, o chamado Atriclip® fechando totalmente a passagem. O procedimento é inteiramente acompanhado pela realização de sucessivos ecocardiogramas transesofágicos, que verificam a forma, funcionamento e fecho do apêndice e ainda certificam a inexistência de escapes de sangue ao final da intervenção cirúrgica.

Este procedimento tem obtido grande sucesso no tratamento da Fibrilhação Auricular e por usar técnicas minimamente invasivas permite rápida recuperação ao paciente, retorno às atividades diárias em 7 dias após a intervenção.

O paciente não precisa de tomar mais medicamentos anticoagulantes e, consequentemente não precisa submeter-se mais a exames periódicos para verificação do Tempo de Protombina (TP), o que garante mais liberdade para praticar atividades físicas, garantindo assim um ganho significativo na sua qualidade de vida.

Quais os riscos da cirurgia?

Os riscos de infeção e hemorragias são mínimos, com menos dor e sem alterações no pós-operatório.

Qual é o tempo de hospitalização e de baixa?

A duração de uma cirurgia de encerramento do apêndice auricular esquerdo endoscópico é normalmente de 100 minutos. Os doentes têm alta ao final de 1-2 dias.
Em relação à atividade laboral, depois de 7 dias o doente já poderá regressar ao trabalho. Normalmente, a recuperação total de mobilidade é ao final de 1 semana e a realização de atividade física moderada 2 semanas.

Duração

> 100 min

Anestesia

> Geral

Internamento

> 1-2 dias

Baixa

> 1 semana

Recuperação

> 1 semana

Inibição de atividade física

> 2 semanas

SAIBA MAIS
SOBRE ESTE
PROCEDIMENTO

Marque uma consulta para esclarecer qualquer dúvida ou ligue-nos através dos nossos contactos

FALE
CONNOSCO

Envie-nos uma mensagem para esclarecer qualquer
dúvida ou ligue-nos através dos nossos contactos

Contactos  

Insira o seu nome nestge campo

Este campo é obrigatório

Insira neste campo o seu endereço de email

Este campo é obrigatório.

Escreva neste campo a sua mensagem.

Este campo é obrigatório.


Usamos o serviço Google Analytics para efeitos de análise estatística com o objectivo de proporcionar uma melhor experiência de navegação no nosso site, ao clicar em continuar concorda com o uso de cookies estatísticos. Para mais informações poderá consultar a nossa política de privacidade.