UmiCS

  • Professor Doutor Javier Gallego Poveda

    ENCERRAMENTO DO APÊNDICE AURICULAR ESQUERDO PERCUTÂNEO

  • Professor Doutor Javier Gallego Poveda

    ENCERRAMENTO DO APÊNDICE AURICULAR ESQUERDO PERCUTÂNEO

O QUE É A ENCERRAMENTO DO APÊNDICE AURICULAR ESQUERDO PERCUTÂNEO

O Encerramento do Apêndice Auricular Esquerdo é um procedimento médico, feito através de técnicas minimamente invasivas e é resultado de amplos estudos realizados nos principais centros cardiológicos reconhecidos internacionalmente. Através do desenvolvimento de técnicas e materiais específicos, representa o que há de mais moderno e inovador no tratamento da Fibrilhação Auricular.

DESCRIÇÃO DO PROCEDIMENTO

Durante este procedimento é feita a oclusão desta área através da colocação de uma prótese na sua abertura. A indicação deste procedimento é feita pelo médico levando em conta aspetos físicos do paciente e evolução do tratamento por medicação, já que é uma opção para aqueles que apresentam complicações com as abordagens tradicionais.

As principais vantagens deste procedimento são:
  Procedimento minimamente invasivo.
  Recuperação rápida e retorno às atividades diárias.
  Diminuição em até 85% das probabilidades de ocorrência de AVC.
  Fim do uso de medicamentos e de exames constantes para verificação do fator de coagulação.
  Diminuição dos riscos de hemorragias causadas pelo uso de medicamentos anticoagulantes.

Na Fibrilhação Auricular, a maioria dos coágulos formam-se no AAE (Apêndice Auricular Esquerdo), que se assemelha a uma pequena bolsa. Com duração média de duas horas, o encerramento ou oclusão é feito através de uma punção femoral, onde um cateter é direcionado até à entrada do AAE. Um dispositivo é então instalado, impedindo assim que os coágulos já existentes ou os que se estão a formar sejam libertados na corrente sanguínea.

Como o procedimento é feito através de técnicas minimamente invasivas, a recuperação é rápida. Após a liberação, deverá seguir uma série de recomendações médicas e realizar alguns exames periodicamente para verificar a evolução do seu tratamento

Qual é o tempo de hospitalização e de baixa?

A duração de uma cirurgia de encerramento do apêndice auricular esquerdo percutâneo é normalmente de 100 minutos. Os doentes têm alta ao final de 1 dia.
Em relação à atividade laboral, depois de 7 dias o doente já poderá regressar ao trabalho. Normalmente, a recuperação total de mobilidade é ao final de 1 semana e a realização de atividade física moderada 2 semanas.

Duração

> 100 min

Anestesia

> Sedação

Internamento

> 1 dia

Baixa

> 1 semana

Recuperação

> 1 semana

Inibição de atividade física

> 2 semanas

SAIBA MAIS
SOBRE ESTE
PROCEDIMENTO

Marque uma consulta para esclarecer qualquer dúvida ou ligue-nos através dos nossos contactos

FALE
CONNOSCO

Envie-nos uma mensagem para esclarecer qualquer
dúvida ou ligue-nos através dos nossos contactos

Contactos  

Insira o seu nome nestge campo

Este campo é obrigatório

Insira neste campo o seu endereço de email

Este campo é obrigatório.

Escreva neste campo a sua mensagem.

Este campo é obrigatório.


Usamos o serviço Google Analytics para efeitos de análise estatística com o objectivo de proporcionar uma melhor experiência de navegação no nosso site, ao clicar em continuar concorda com o uso de cookies estatísticos. Para mais informações poderá consultar a nossa política de privacidade.