UmiCS

  • Professor Doutor Javier Gallego Poveda

    MITRACLIP

  • Professor Doutor Javier Gallego Poveda

    MITRACLIP

O QUE É O MITRACLIP

É um procedimento não cirúrgico que utiliza técnicas minimamente invasivas para corrigir a Insuficiência da Válvula Mitral, que é uma das principais causas da morte súbita. É uma opção segura, com resultados igualmente positivos aos obtidos pela cirurgia convencional e é indicado para pacientes que não podem ser submetidos ao procedimento cirúrgico e que cujo tratamento fica restrito ao uso de medicamentos, que atenuam os sintomas, mas não têm efeito sobre a causa da doença.

Stacks Image 324
Stacks Image 313

DESCRIÇÃO DO PROCEDIMENTO

O diagnóstico é feito através da auscultação cardíaca, onde o médico identifica um som específico, também chamado de murmúrio ou sopro. O ecocardiograma é um dos recursos utilizados para analisar os movimentos da válvula mitral através do doppler colorido. O cateterismo cardíaco verificará o funcionamento do ventrículo além de identificar se há presença de doença coronariana agravando o quadro.

A cirurgia convencional com a abertura do peito ou a cirurgia com técnicas cirúrgicas minimamente invasivas, permite a paralisação temporária do coração para instalação do circuito de circulação extracorpórea e substituição ou reparação da válvula. Alguns pacientes, porém, não podem ser submetidos a esta cirurgia, pelo alto grau de risco. Nestes casos, de acordo com a avaliação e recomendação médica, o Mitraclip é o procedimento indicado.

Esta técnica permite que um grampo, desenvolvido especialmente para a válvula mitral, possa ser levado até o coração do paciente por um cateter. Ao chegar sobre a válvula mitral, ele unirá pela parte inferior as duas valvas, permitindo que o refluxo sanguíneo para o ventrículo diminua ou mesmo cesse por completo.

Qual é o tempo de hospitalização e de baixa?

A duração de uma cirurgia de mitraclip é normalmente de 120 minutos. Os doentes têm alta ao final de 1-2 dias.
Em relação à atividade laboral, depois de 1 semana o doente já poderá regressar ao trabalho. Normalmente, a recuperação total de mobilidade é ao final de 1 semana e a realização de atividade física moderada 2 semanas.

Duração

> 150 min

Anestesia

> Geral

Internamento

> 1-2 dias

Baixa

> 1 semana

Recuperação

> 1 semana

Inibição de atividade física

> 2 semanas

SAIBA MAIS
SOBRE ESTE
PROCEDIMENTO

Marque uma consulta para esclarecer qualquer dúvida ou ligue-nos através dos nossos contactos

FALE
CONNOSCO

Envie-nos uma mensagem para esclarecer qualquer
dúvida ou ligue-nos através dos nossos contactos

Contactos  

Insira o seu nome nestge campo

Este campo é obrigatório

Insira neste campo o seu endereço de email

Este campo é obrigatório.

Escreva neste campo a sua mensagem.

Este campo é obrigatório.


Usamos o serviço Google Analytics para efeitos de análise estatística com o objectivo de proporcionar uma melhor experiência de navegação no nosso site, ao clicar em continuar concorda com o uso de cookies estatísticos. Para mais informações poderá consultar a nossa política de privacidade.